Vamos Cozinhar?

Sandro Cozinha.jpg

Antes de mais,

EU AMO COZINHAR.

É talvez o meu plano B da vida, mas mesmo sendo o B é algo que nós (Homens) devemos saber fazer. Impressiona bastante uma mulher cavalheiros ahaha A minha mãe sempre me disse ‘Hoje em dia as mulheres querem um Homem que saiba fazer um pouco de tudo’.

Aprendi a cozinhar com a minha mãe desde pequenino. Sou muito atento.

Fui vendo, e vendo e vendo. Depois fui ajudando um pouco aqui e ali. A provar os mil e um sabores da cozinha e aprender as suas conjugações. Ainda hoje gosto de a ver cozinhar porque quando se cozinha com Amor, sente-se.

E estou sempre aprender com ela. Quando está farta das comidas típicas ‘inventa’ e os resultados são maravilhosos.

Se ela abrisse um restaurante estávamos ricos, mas eu ficava com ciumes pois quero os cozinhados dela só para mim muahaha

 

A TARTE MERENGADA DE LIMÃO

dav

Provei pela primeira vez num restaurante em Sintra há 3 anos atrás, e amei.

A junção dos 3 sabores (bolacha, limão e o merengue) que combinam perfeitamente entre si com uma fantástica harmonia gustativa. Deixou-me com água na boca por mais.

A verdade é que nunca mais encontrei uma tarte igual aquela, isto é, confeccionada daquele modo.

PORTANTO… Decidi fazer a minha.

Já andava algum tempo para a fazer mas tinha bastante receio, pois envolve alguma técnica.

Comecei por aprender a fazer o Merengue.

Não tem nada de mais, pois na prática é ”só” claras de ovo e açúcar…Experimentem partir um ovo e separar as gemas ahahah Depois foi aprender a fazer o merengue em si, pois existem 3 tipos o Francês (que é o utilizado na tarte), o Italiano e o Suíço. Só aqui já podem perceber que de uma coisa simples pode variar o seu resultado e textura/sabor.

De resto foi tudo um pouco básico, é misturar os ingredientes e mexer … o que achei assim um pouco mais difícil, foi fazer a bolacha, que é ao fim ao cabo uma coisa ”fácil”.

Quando finalmente terminei e vi que estava com bom aspecto e titulei-a de a receita mais fácil/difícil de todas. Talvez por ter sido a primeira vez que a fiz…

 

A Receita:

4 pacotes de Bolacha Maria (picada)

200g de Manteiga

1 Lata de Leite Condensado

3 gemas de ovo

Claras de 3 ovos

Sumo de 2/3 Limões

3 colheres de sopa de açúcar

Confecção:

Num tacho derretam a manteiga.

De seguida desliguem o fogão e adicionem a Bolacha Maria picada anteriormente. Envolvam bem até ficar bem misturado.

Numa tarteira de fundo amovível untada com manteiga e coloquem papel vegetal, voltem a untar com manteiga. Ponham a bolacha e cubram tudo até ficar uniforme. Acalcem para que a base fique compacta.

Guardem no frigorífico para a base ficar mais sólida.

Numa tigela coloquem o leite condensado e de seguida vão adicionando aos poucos o sumo de limão, tem de estar sempre a mexer com uma colher.

Depois do sumo adicionem as duas gemas e mexam muito bem para que a gema fique bem misturada.

Tirem a base do frigorífico e despejem a base de limão e espalhem bem sobre a base.

Levem ao forno pré-aquecido nos 200ºgraus e deixem 10 minutos.

Numa tigela batam as claras em castelo, quando estiverem quase a ficar em castelo adicionem o açúcar e batam. Fazendo assim o Merengue.

Retirem a tarte do forno, e cobram a tarte com o Merengue bem espalhado e de seguida voltem a colocar no forno durante 5 minutos só com o aquecimento superior ligado.

Quando estiver ”lourinha” tirem.

Deixem arrefecer e não deformem…levem ao frigorífico.

Deformem apenas quando servirem!

 

 

Este é o resultado final:

davdavdavdav

 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s